Editorial: Aliado no discurso e nas redes sociais. E nos bastidores do machismo?