Editorial: “A utopia está lá no horizonte…” : Devaneios sobre cansaço, vaidade e Ritalina em um mundo jurídico não instagramável